Postado em 29 de Junho de 2015 às 16h25

Barra Velha lança a 19ª Festa Nacional do Pirão

Eventos (7)Turismo (37)Gastronomia (5)

A expectativa é que 120 mil pessoas passem pelos três pavilhões da festa

“Em setembro todos os caminhos levam a 19ª Festa Nacional do Pirão.” Com essa frase o Presidente da Fundação Municipal de Turismo, Esporte e Cultura, Thiago Pinheiro, declarou lançada a edição 2015 da festa que acontecerá entres os dias 04 e 07 do referido mês. A cerimônia aconteceu na noite de sexta-feira, 26, no Restaurante Estação 101 da Parada Ferreti, com a presença de 180 pessoas entre, autoridades, empresários e imprensa. Durante o lançamento diversas novidades foram apresentadas e logo depois os convidados puderam degustar um coquetel com algumas variedades de pirão e docinhos portugueses. 

Na grade de shows nacionais uma grande variedade foi apresentada esse ano. Na primeira noite da festa quem comanda a festa é o pagode do Raça Negra e o reggae do Armandinho. No sábado, o pop rock do Jota Quest deve arrastar uma multidão e na sequência a dupla de DJ’s Fat Duo encerra a noite. No domingo a festa começa com Dany e Rafa e segue com o show nacional de Bruno e Marrone. No feriado, segunda-feira, dois shows nacionais totalmente gratuitos: o gospel do cantor Jonas Vilar e o sertanejo da dupla Carreiro e Capataz.

Os ingressos começarão a ser comercializado a partir dessa terça-feira através do site www.oiingressos.com.br a preços acessíveis. O primeiro lote da pista custará R$20,00 e na Área VIP R$40. Reforçando a ideia de festa popular, a organização criou duas modalidades de passaporte que dão direito aos três dias de shows: Pista (R$50) e VIP (R$100). 

Novidades da 19ª Edição
Uma das singularidades apresentadas no lançamento é a confecção de dois modelos de selos utilizados pelos Correios. Um deles leva a imagem da realeza da festa e o outro a panelinha símbolo do evento. Na ocasião, o prefeito Claudemir Matias e o presidente da Fumtec entregaram algumas unidades para o ex-prefeito e criador da festa, Orlando Nogaroli e sua esposa, a ex-vereadora Oléias Nogaroli.
Na sequência um típico caboclo do litoral invadiu a cerimônia e alegrou o público com a sua irreverência. Tratava-se do novo mascote da Festa Nacional do Pirão, um pescador que agora leva o nome de Pirãozito, escolhido pelos internautas com 27% dos votos. A apresentação aconteceu ao som de um jingle criado para divulgar a festa. “A edição 2015 é a edição das novidades. Estamos trabalhando para promover uma festa diferente de todas que já tivemos,” disse Thiago Pinheiro.

E como festa gastronômica, a praça de alimentação também terá alterações. Serão 30 stands, sendo que em 10 deles o pirão deve ser o prato principal. O número de mesas e cadeiras também será expandido para melhor acomodar os visitantes. Outra reivindicação atendida pela organização da festa é a troca da marca das bebidas comercializadas. “Trocamos por marcas mais conhecidas e estabelecemos um valor acessível,” comentou Thiago. 

Novos Trajes da Realeza
Em meio a tantas novidades a Fumtec resolveu inovar também na roupa daquelas que representam a festa. Os novos trajes da Rainha e Princesas foram confeccionados pela estilista Katia Blahobrazoff, tendo como inspiração os traços fortes que compõem as características desta cidade: sua economia, natureza e religiosidade. A base para toda a composição é a cultura açoriana que tem marco na colonização de Barra Velha. O resultado final é um modelo diferente de todos que já foram utilizados. 

O traje da segunda princesa tem como tema a economia local. As curvas onduladas no barrado da saia recebem bordados de barcos de pesca representando a ferramenta de trabalho e os coqueiros representando as paisagens que fazem de Barra Velha uma cidade turística.
O traje da primeira princesa mostra as belezas da natureza representada pelo mar. O barrado da saia leva desenhos que remetem às escamas e bordados de peixes saltando. Nos três vestidos podemos notar características açorianas através das listras da saia rodada e a sobre-saia branca remetendo um avental.

O traje da Rainha, embora tenha formato diferente, é uma composição que carrega traços dos dois vestidos. Além de levar as cores azuis e amarelas nos bordados, como identidade visual da festa, recebe também as cores vermelha e prata em alusão a Festa do Divino Espírito Santo, outra grande festividade cultural. Sobre o colete da rainha um forte detalhe açoriano é o lenço estampado.

 

  • Barra Velha -
  • Barra Velha -
  • Barra Velha -
  • Barra Velha -
  • Barra Velha -
  • Barra Velha -
  • Barra Velha -
  • Barra Velha -
  • Barra Velha -
  • Barra Velha -

Veja também

Como fotografar08/03/15 Fotograr é uma maneira de guardar o que se viu. Mas como fotograr, o que fotografar... Já ouvi diversas histórias que não se deve fotografar lugares sem você ou quem está com você estiver na foto. Acho isso uma grande bobagem. Eu adoro fotografar lugares - mesmo que não profissionalmente. Acho que você deve fotografar o que desejar, mas com algumas dicas.......
Empresa monitora execução de obras da Boca da Barra16/11/17Objetivo é garantir que trabalho seja executado dentro da legalidade ambiental Genos, responsável pelo monitoramento ambiental da obra da Boca da Barra. A função da empresa é garantir que o trabalho seja executado de forma ambientalmente responsável e de acordo com a legalidade. Segundo o......

Voltar para (Novidades de Barra Velha)